As espinhas são problemas que danificam a pele geralmente em adolescentes e quem tem a pele muito oleosa. Quando não tratadas, estas deixam marcas faciais que são irreversíveis e por isso há vários meios para evitá-las. Para quem deseja conhecer os alimentos que combatem as espinhas e prevenir ou tratar sua pele, acompanhem a seguir.

Alguns alimentos como o abacate, aveia, espinafre, agrião, salmão, iogurte, castanha do Pará, óleo de prímula, entre outros podem promover ótimos resultados contra as terríveis espinhas que tanto nos incomodam.

 

 

Em, geral, são recomendadas para essa finalidade alimentos que contenham vitamina A para diminuir a oleosidade da pele (são fontes dessa vitamina a cenoura, mamão, caqui, abóbora, batata doce, manga, brócolis e outros). A vitamina C é um poderoso antioxidante e anti-inflamatório e também auxilia nesse combate (fontes: laranja, abacaxi, limão, acerola, morango, goiaba, pimentão e outros).

Outra vitamina indicada para esses casos é a B12 que também controla a oleosidade produzida pela pele (encontrada em leite, carne, ovos, espinafre, levedo de cerveja). A vitamina B6 controla o metabolismo hormonal que tem grande participação na produção de espinhas (alimentos ricos em B6: batata, banana, carnes, cereais).

Além disso é importante ingerir fibras que regulam o funcionamento do intestino e ajudam a eliminar as toxinas do corpo (linhaça, frutas, cereais, verduras e legumes). O magnésio, cálcio e fósforo também atuam como anti-inflamatório (folhas verde escuras, leite, legumes). O Zinco tem importante função na cicatrização e regeneração dos tecidos e o cobre age como antibiótico.