AYC5F6

O alecrim é uma das plantas mais famosas utilizadas na culinária e como fitoterápico, assim trazendo diversos benefícios à saúde. Para todos os interessados em saber mais sobre o chá de alecrim e conhecer seus benefícios e riscos, acompanhem a seguir.

Seu nome científico é Rosmarinus officinalis e tem um uso acessível à população em geral.

Essa planta facilmente encontrada e cultivada em diversos locais pode auxiliar em problemas digestivos quando ingeridos em forma de chá, devendo ser preparado por infusão, ou seja, verter a água fervida sobre as folhas do alecrim e deixar abafar por alguns minutos antes de ingeri-lo.

chá de alecrim

Outra opção é usar o alecrim de forma tópica, aplicando compressas sobre a pele, tendo ação cicatrizante  e anti séptica, podendo ser usada também para distúrbios circulatórios.

O alecrim quando ingerido pode agir como estimulante do sistema nervoso central e por isso jamais deve ser indicado para crianças ou pessoas com risco de convulsão.

Outros cuidados e contra indicações do alecrim são para pessoas com doenças prostáticas, gastroenterites e no caso de dermatoses em geral.

Vale ressaltar que o uso crônico ou em doses altas do alecrim pode causar irritação renal e gastrointestinal quando ingerido, por isso recomenda-se usá-lo apenas sob recomendações farmacêuticas ou médicas, de acordo com as orientações de uso e consumo.

Para os interessados em obter mais informações sobre os riscos e benefícios do chá de alecrim, recomenda-se a consulta a um desses profissionais da área da saúde. Lembre-se que apesar dessa opção de tratamento ser natural, pode haver efeitos adversos.