depressão pós parto.

A depressão é uma das doenças mais comuns atualmente, tendo um tipo diferenciado que é a depressão pós-parto, atingindo mães com bebês recém nascidos. Para todos os interessados em conferir mais informações sobre a depressão pós-parto e conhecer os sintomas e tratamento, acompanhem a seguir.

Essa depressão pode variar entre moderada ou grave ocorrendo logo após o parto ou até um ano depois dessa data, porém na maioria dos casos a ocorrência dessa doença é em até três meses.

Com as várias mudanças físicas, psicológicas e na rotina da mãe, é comum que algumas delas desenvolvam esta doença, já que muitos fatores serão alterados em seu dia como o sono, maior responsabilidade, menos liberdade, alterações no corpo, entre muitas outras alterações típicas dessa fase.

depressão pós parto

Com isso, as mulheres menores de 20 anos de idade ou que não planejaram a gravidez são mais susceptíveis à doença, enquanto que as mulheres que planejaram e almejam pela chegada da criança têm menos tendência a essa depressão.

Os principais sintomas são:

  • ansiedade,
  • irritação,
  • sensação de perda ou inutilidade,
  • falta de apetite,
  • insônia,
  • sentimentos negativos com relação ao bebê,
  • indisposição,
  • sentimento de tristeza constante e insatisfação com a vida,
  • medo de ficar sozinha com o bebê,
  • dificuldade de se concentrar.

Esses são os principais sintomas da depressão pós-parto, sendo a mais característico o desprezo pela criança.

Nesses casos, é extremamente importante o acompanhamento de um psicólogo qualificado para realizar as terapias essenciais para o tratamento da depressão, trabalhando com você esses conteúdos novos que uma mãe deve executar e te ajudar na aceitação desse papel de mãe.