Os métodos contraceptivos devem ser de conhecimento da população em geral, assim evitando a gravidez indesejada, principalmente para as adolescentes, que estão cada vez mais precoce e entrando na gestação muito cedo. Para conferir mais informações sobre os métodos contraceptivos e saber qual é o melhor, acompanhem a seguir.

Há vários métodos contraceptivos que são oferecidos para a população, sendo os principais deles:

Preservativo – É o método mais recomendado e de fácil acesso, tendo baixo ou nenhum custo. Este é o mais seguro por evitar a gravidez e a transmissão de diversas doenças sexualmente transmissíveis como, por exemplo, a hepatite e a aids, que são os mais comuns.

Pílula do dia seguinte – Ingerida após 24h da relação sexual para garantir total eficácia, também pode ser ingerida em até 48h, porém sua eficiência reduzirá em cerca de 80%.

DIU – Trata-se de um Dispositivo Intra Uterino colocado pelo médico na cavidade uterina tornando o endométrio inadequado para os espermatozóides, além disso, evita a implantação do óvulo no endométrio se ocorrer a fecundação.

Diafragma – Esta é uma barreira que se introduz a fim de impedir a passagem de espermatozóide para a região uterina. Também deve ser colocada por um médico devido ao local em que deve ser aplicado.

Tabelinha Um método totalmente ineficaz. A mulher ovula em seu 14º dia do ciclo menstrual, sendo assim entre o 12º ao 16º dia ela estará fértil e a relação sexual deve ser evitada. Porém, com a atuação dos hormônios e o estresse do dia este ciclo sofre alterações e por isso não se deve confiar na tabelinha.

Anticoncepcionais orais São bastante confiáveis quando ingeridos corretamente, nas pílulas anticoncepcionais há hormônios que atuam no processo de maturação do óvulo, assim não há ovulação e impossível a fecundação. Porém, deve ser ingerido no mesmo horário uma pílula por dia para garantir sua eficácia.

Anticoncepcionais injetáveis – é injetado uma alta taxa de hormônio que agirá de forma semelhante aos anticoncepcionais orais durante todo o mês, e a grande vantagem é que não há preocupação com horários, ideal para quem geralmente esquece de tomar todos os dias.

Dentre todos estes métodos, o preservativo é indispensável devido à proteção contra doenças, já que é o único que garante esta transmissão.